Assista inauguração do espaço interpretativo Baleia Jubarte de Itacaré

Atualizado: Set 4






Projeto Baleia Jubarte, Prefeitura e Empresários Inauguram Dia 3/9 o Novo Atrativo

Já conhecida nacional e internacionalmente por suas belezas naturais e oportunidades de Ecoturismo, Itacaré ganhará neste próximo dia 3 de setembro mais um espaço de promoção e divulgação da sua vida marinha: é a Ilha Interpretativa da Baleia Jubarte, localizada nas dependências do Eco Beach Club, na Praia da Concha, junto ao acesso da Ponta do Xaréu, e erguido em parceria entre a Prefeitura Municipal, o Projeto Baleia Jubarte, o Eco Beach Club e Ecoporan Hotel.


Contando com painéis educativos, partes do esqueleto e uma réplica de uma cauda de baleia identificada na região e batizada de “Piracanga”, o espaço é a quarta estrutura física do Projeto ao longo da costa brasileira, que já conta com centros interpretativos em Praia do Forte e Caravelas (BA) e Vitória (ES).


Segundo o Coordenador de Comunicação do Projeto Baleia Jubarte, Enrico Marcovaldi, “esse pequeno espaço que estamos inaugurando em Itacaré pretende ser o embrião de uma presença mais regular do Projeto no Município e na região, não apenas ampliando nosso trabalho de pesquisa e monitoramento das baleias, mas também dando apoio técnico para consolidar e expandir, passados os efeitos da pandemia, o Turismo de Observação de Baleias como alternativa para a geração sustentável de emprego e renda, integrado a outros atrativos naturais”. O Coordenador do Projeto, patrocinado pela Petrobras, ressalta que o apoio da Prefeitura e das empresas parceiras foi fundamental para a decisão de iniciar a instalação de mais essa base de trabalho com baleias-jubarte em Itacaré.


As baleias-jubarte vêm ao litoral brasileiro anualmente para acasalar, parir e amamentar seus filhotes entre os meses de julho e outubro. Antes ameaçadas de extinção e avistadas somente no Bando dos Abrolhos, a recuperação gradual da população fez com que elas reocupassem sua antiga área de distribuição ao longo da costa do Nordeste e Sudeste, com a Bahia abrigando o maior número de jubartes durante sua temporada de reprodução.


A inauguração será realizada durante uma das paradas da Expedição Entre Baleias e Golfinhos 2020, que percorrerá a bordo de um catamarã o mar entre Praia do Forte/BA e Vitória/ES, num percurso total de cerca de 1.000 milhas, coletando dados sobre as baleias e a situação dos operadores de turismo de observação de baleias durante a pandemia, e que resultará em mais um documentário produzido pelo Projeto Baleia Jubarte. O evento poderá ser assistido ao vivo no dia 03 de setembro pelo canal do Projeto Baleia Jubarte na plataforma Youtube, a partir das 17h (www.youtube.com/projetobaleiajubarte).




Sobre o Projeto Baleia Jubarte


Atuando há mais de 30 anos na pesquisa e conservação das baleias-jubarte e do ambiente marinho no Brasil, o Projeto Baleia Jubarte, patrocinado pela Petrobras por meio do Programa Petrobras Socioambiental, integra a Rede BIOMAR juntamente com outros projetos patrocinados pela empresa (Projeto Albatroz, Coral Vivo, Golfinho Rotador, Meros do Brasil e TAMAR), que atuam de forma integrada na conservação da biodiversidade marinha do Brasil.


O Projeto Baleia Jubarte é realizado pelo Instituto Baleia Jubarte a partir de suas sedes na Praia do Forte e em Caravelas, Bahia, e em Vitória, no Espírito Santo. Por meio deste projeto são realizadas ações de pesquisa científica, turismo responsável, ações de educação ambiental, bem como atividades de conservação que tem contribuído para o sucesso da recuperação da população de jubartes do atlântico sul ocidental.


Mais informações sobre as atividades podem ser obtidas em www.facebook.com/projetobaleiajubarte, www.instagram.com/projetobaleiajubarte e em www.baleiajubarte.org.br.


Para mais informações favor contatar:

Projeto Baleia Jubarte - Bahia

Enrico Marcovaldi – 71 98127 8983 | enrico.marcovaldi@baleiajubarte.org.br

Eduardo Melo – eduardo.melo@baleiajubarte.org.br


Fonte: Setur Itacaré